terça-feira, março 08, 2005

Freitas do Amaral...o renegado.

Achei extremamente curioso o facto de o CDS-PP enviar o retrato de honra do Prof. Freitas do Amaral, da sede do partido para o Largo do Rato. Sem dúvida um acto corajoso dum partidozito em vias de extinção que, segundo imagino, vai colocar no lugar vazio a foto de Salazar, o verdadeiro mentor da criação daquele grupelho político de saudosos princípios, agora dominado por agitados e frenéticos betinhos de recente promoção. Não sei se também retiraram o quadro com o retrato do Dr. Manuel Monteiro, mas creio que seria lógico e consensual fazê-lo, em nome do verdadeiro espírito da caça às bruxas.
Qualquer dia será a vez do ainda actual líder, Dr. Paulo Portas, que por questões de continuidade na política, uma das suas grandes ambições de sempre, poderá ter que migrar de partido para usufruir de estatuto político, e então também será lançado janela fora, qual Vasconcelos traidor, duma qualquer restauração do século XXI.
Será que já não se prestam as honras devidas a quem teve, e tem valor indiscutível? E o respeito pela amizade de muitos anos?...Para o CDS-PP tudo é letra morta. Eis a verdadeira face de um partido democrático! Eis a verdadeira máscara de um partido fascista e fascizante...Já ouço, no horizonte próximo, um discreto Requiem pela quase esfarrapada família CDS-PPopular.

Sem comentários: