terça-feira, dezembro 07, 2004

Mario Soares

Apesar de ser deputado da abstenção não poderia hoje de deixar um "ad multos anos" para o patriarca do PS, que apesar de muitos inimigos maioritariamente da direita portuguesa, deixou a sua marca de estadista de renome, e tal como eu, embora noutra esfera, desejou intensamente o momento que vivemos, com a queda do mal incubado governo...que remói a sua queda da cadeira das mordomias e da asneira política.

Sem comentários: